Se você tem um dispositivo com Windows Mobile já deve ter se perguntado porque o botão “Fechar” na verdade não fecha nada.

A explicação foi publicada no blog do Windows Mobile Team. A idéia é que o próprio Windows gerencie a memória do dispositivo e vá fechando os aplicativos que ficam em segundo plano conforme o sistema precisa de mais memória.

Eles fizeram isso na época para combater o PalmOS, que dominava totalmente o mercado e sempre teve (e continua tendo) uma performance absurdamente superior. O PalmOS troca de aplicativos com muita rapidez pois é um sistema imensamente mais simples. A idéia da equipe do Windows Mobile era manter os aplicativos na memória e restaurá-los com mais rapidez.

Infelizmente o gerenciamento automático da memória nem sempre funciona como deveria, e acabamos com o dispositivo cheio de aplicativos abertos e com falta de memória.

No meu Qtek S200 eu uso o InClose, um aplicativo bem prático e que realmente fecha os aplicativos.