Mais um ótimo artigo da série Open Source x “Closed Source”. Em inglês. Se você ainda não entende o idioma, shame on you! :)