Acabo de fazer um upgrade na minha máquina principal. Agora estou usando um Acer Aspire 5672WLMi, com a seguinte configuração:

  • Intel Core Duo T2300 (1,66 GHz, 667 MHz FSB, 2MB L2 cache)
  • 15.4″ WXGA CrystalBrite LCD
  • ATI Mobility Radeon X1400 512MB HyperMemory
  • HD 120GB SATA 5400rpm
  • Double Layer DVD+RW
  • 2GB DDR2 RAM
  • 802.11a/b/g wireless LAN
  • Bluetooth 2.0
  • Leitor 5 em 1 para todos os cartões de memória
  • Webcam integrada

É uma máquina definitivamente poderosa. E não tem como ser diferente. Nós, desenvolvedores, precisamos de máquinas poderosas. Eu sempre tenho muitos aplicativos abertos ao mesmo tempo, a IDE do Delphi (e as vezes a do Visual Studio juntas), Outlook, leitor de news, leitor RSS, Messenger, Skype, Google Talk, Babylon, Hotsync Manager (sincronismo com um dos meus smartphones), ActiveSync (com outro smartphone), Firebird Server, IBExpert, etc. Isso sem levar em conta quando tenho alguma máquina virtual do VMWare rodando. Então não tem como, para que possamos ter produtividade, precisamos de máquinas que aguentem o tranco.

É o segundo Acer que eu tenho. Já tive um vários anos atrás e ele nunca me deixou na mão. Me parece que a Acer agora está ganhando mais mercado, pois está com preços muito competitivos. Essa máquina saiu por R$5200 em uma loja aqui da minha cidade, com NF, tudo certinho, mas tenho certeza que pode ser encontrada por menos que isso em outros lugares.

Há muito tempo não uso mais computadores desktop como minha máquina principal e provavelmente nunca mais usarei. A praticidade de ter tudo sempre a mão é imbatível. E a performance dos notebooks não deixa praticamente nada a desejar.

Processador

Eu estava ansioso por usar uma máquina dual core, e esta é a minha primeira experiência. Estou gostando muito, sinto que a máquina tem uma ótima performance. Espero que o Windows saiba gerenciar bem este recurso e tirar proveito máximo da máquina. Quando acesso o gerenciador de tarefas, consigo visualizar dois processadores, portanto sei que o Windows está ciente que não é um processador simples, porém ainda não tive tempo de pesquisar como isso realmente funciona.

Tela

Widescreen, resolução 1280×800, LCD brilhante. Eu já tinha visto vários computadores com essa nova tecnologia de LCD brilhante, mas nunca tinha realmente usado um. Ela é muito legal na maioria dos momentos, as cores parecem ser mais vivas e tudo fica mais bonito mesmo. Porém, se você estiver em um local muito iluminado, principalmente com iluminação atrás de você, a visualização fica bem comprometida. Há poucos dias precisei usar a máquina na mesa de um café de um shopping, e a iluminação atrapalhou muito. Provavelmente meu próximo modelo será com a tela convencional mesmo, fosca.

Webcam Integrada

A webcam integrada é muito prática. Tem boa resolução de 1,3 megapixel e funciona com todos os aplicativos que testei: Windows Messenger, Skype, etc. Eu não uso muito, mas é um recurso legal de ter. Ela fica muito bem acoplada na parte superior da tela, não ocupando praticamente nenhum espaço adicional.

Microfone Embutido

Um detalhe aparentemente simples mas que gostei porque até então minhas máquinas anteriores não tinham é o microfone integrado, permitindo o uso do Skype sem microfone ou fones de ouvido externos. Na empresa gosto de usar aqueles fones com microfones maiores de maior qualidade, e levá-lo na bolsa do notebook é um saco. Por isso esse recurso veio a calhar.

Leitor de Cartão 5 em 1

Minha máquina anterior já tinha leitor embutido SD, mas esta tem leitor 5 em 1, ou seja, posso usá-lo para ler praticamente qualquer cartão de memória. Acho que ele só não lê cartões CF (Compact Flash), que é um tipo de cartão praticamente obsoleto já.

O Que Não Gostei

A máquina não acompanha nenhum CD ou DVD com o sistema para restauração. Quando você liga pela primeira vez, ela solicita que você insira um DVD em branco para que ela grave a imagem do sistema para uma eventual restauração em caso de perda. Até aí tudo bem, mas o que realmente me aborreceu é que não vem nenhum disco separado com os drivers. E como eu costumo formatar a máquina e instalar um Windows limpo, tive que baixar todos os drivers do site da Acer, que é um lixo. E os drivers são imensos, mais de 300MB em vários arquivos separados com conexões que caiam com frequência. Levei quase um dia para baixar e instalar tudo.

Outra coisa que ainda não me acostumei e não gostei é o posicionamento das teclas Home, Insert, Del, Pg Up, Pg Dn e End. Elas estão posicionadas verticalmente no teclado, bem diferente do que estava acostumado com minhas máquinas anteriores.

Mas são detalhes com pouca importância e que no final das contas não desmerecem a máquina.

Conclusão

Estou muito satisfeito com a máquina. Acho que pelo preço e pelos recursos, é uma ótima opção para desenvolvedores ou mesmo para aqueles que querem uma máquina poderosa para uso geral. Recomendo.